Follow by Email

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Primeiro vou falar de meu olhar fixado em seu corpo, meus sentidos embaralhando-se e meus ouvidos prestando atenção a todas as misturas de tons musicais com o degrade de seus olhos a cor de sua pele. Eu queria toca-la feito um violão, seu corpo em meu colo, seu braço em minha mão e seu cabelo feito as cordas que entre meus dedos tornariam toques, múrmurios, susssurros e arrepios em uma bela canção.

Caique Maciel Arruda

Nenhum comentário:

Postar um comentário